Category Archive: 2. Obesidade x Baixo Peso

Adoçantes x Açúcar

OS ADOÇANTES são produtos naturais ou artificiais que substituem o açúcar oferecendo menos calorias com um sabor doce, por isso ENGORDAM MENOS que o açúcar.

  • São compostos por substâncias edulcorantes, isto é, substâncias que são extremamente doces mesmo em pequenas porções. Atenção! 3-4 GOTINHA = 1 colher de chá (açúcar). Não “esguiche” …. se demais, fica muito doce e com “gosto de xarope”.

AÇÚCAR (SACAROSE):  (4Cal/grama; 1 colher de chá =  16 Calorias):

  • Ingestão máxima recomendada
  • Mulher:   150 Cal/dia (9 colheres de chá de açúcar/dia)
  • Homem: 100 Cal/dia (6 colheres de chá de açúcar/dia)
“O ideal seria se adaptar aos sabores naturais dos alimentos.
Que tal experimentar um suco ou um bom café sem açúcar ou adoçantes?”

Adoçantes Artificiais/Naturais:

TIPO

ORIGEM

Calorias

PODER Adoçante

SABOR

FOGO (cozinha)

ALERTAS!

Gravidez*

Ingestão Máx (mg/Kg)

Nomes
Comerciais®

Sucralose (1970)

Artificial
(molécula da cana de açúcar modificada)

0

600x

Muito parecido com açúcar. Não amarga.

Sim. Pode perde o sabor.

+ Caro!

Sim

15

®Linea (com acesulfame-K)(pó/liq)
®Gold Sucralose
®Finn Sucralose

Sacarina  (1879)

Artificial (petróleo)

0

300x

Sabor residual doce-metálico.

Sim

Comum uso combinado com Ciclamato de Sódio para reduzir o sabor residual amargo.

Sim. Melhor evitar!

5

®Zero cal
®Adocyl (líq)
®Doce menor (líq/ pó)
® Finn Cristal (líq)

Ciclamato de Sódio (Na) (1937)

Artificial (petróleo)

0

30x
Baixo poder adoçante

Sabor residual azedo/amargo.

Sim

Contém SAL.
Evitar em hipertensos.
Costuma ser combinado com a sacarina

Não

11

 – ®Zero cal
Acessulfame K+ (1967)

Artificial (ácido acético e Potássio)

0

200x

Muito doce. Sabor residual amargo.

Sim

Contém Potássio
Evitar se tiver doença renal.
Geralmente é associado com sacarina e ciclamato de sódio

Sim

15

® Gold pó
® Doce menor pó

® Assurgin

Aspartame (1965)

Combinação de dois aminoácidos (Fenilalanina* e Aspartato)

 0

200x

Parecido com o açúcar

Não

Contém Fenilalanina!
NÃO usar em portadores de Fenilcetonúria.

Sim. Melhor evitar*!

40

® Zero cal líq/pó
® Gold pó
® Finn pó
® Doce menor diet pó.

Estevia (1912)

Natural (Planta nativa do Brasil e Uruguai)

0

300x

Parece “alcaçuz”. Sabor residual amargo.

Sim

+ Caro!

Sim.

5,5

 –® Stevita (pura)
® Good Light
Frutose

Natural (Frutas e Mel)

4Cal/g*

2x

Sabor mais doce que açúcar

Perde o sabor quando vai ao fogo.

CALÓRICO! Mesma caloria do açúcar.
Pode provocar cárie. Uso criterioso no paciente diabético e com Hipertrigliceridemia.

 -® Doce Menor
– ® Lowçucar

 Cuidado, algumas marcas comerciais de adoçantes combinam 2 ou mais tipos diferentes de adoçante. Leia sempre o rótulo!

  •  Adoçante x Câncer? Apesar de alguns estudos em ratos ter relacionado o Ciclamato de Sódio com risco aumentado de câncer de bexiga, nenhum outro estudo confirmou isso. Atualmente, não há nenhuma evidência de risco de câncer com nenhum outro adoçante. Todos são permitidos, mas você deve seguir a orientação médica.
  • GESTANTES: A indicação mais apropriada para o uso de edulcorantes é para gestantes diabéticas, para as quais o uso de sacarose (AÇUCAR) pode comprometer o controle glicêmico. Já para as mulheres que desejam apenas controlar o peso, a eficácia desses produtos é duvidosa. Assim, o mais indicado em casos de grávidas com o peso normal e não apresentam diabetes gestacional é o consumo moderado do açúcar comum reduzir o consumo de produtos dietéticos (sucos, refrescos, refrigerantes, doces, sorvetes, chocolates). Entretanto se o profissional de saúde que acompanha e avalia a gestação julgar necessário indica-se o consumo moderado de adoçante. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) divulgou recentemente uma lista com as limitações no uso dos edulcorantes para a população em geral. Para as gestantes as limitações são as mesmas.

 

Referências Bibliográficas

  1. Salles RK, Fiates GMR, Auler F, Lehrer KM. Uso de adoçantes durante a gravidez e ganho de peso gestacional. J. bras. ginecol;108(7):247-54, jul. 1998.
    Site ANVISA: www.anvisa.gov.br
  2. Torloni MR, et al. O uso de adoçantes na gravidez: uma análise dos produtos disponíveis no Brasil. Rer. Bras. Gin. Obst., v.29, no5, p.267-275, 2007.
  3. Position of the American Dietetic Association: Use of Nutritive and Nonnutritive Sweeteners. J Am Diet Assoc. 2004;104:255-75

COMO EMAGRECER E SE MANTER SAUDÁVEL

  • O que é caloria?

    • Tudo que comemos é transformado em energia (calor = calorias) pelo nosso corpo. A caloria significa uma forma de medir energia contida nos alimentos.
    • O balanço calórico é como uma “balança’ ou uma “gangorra”. Para ficarmos em equilíbrio (nem magro demais, nem gordo demais), as calorias dos alimentos devem ser usadas em atividades do seu dia a dia (respirar, correr, caminhar, brincar, dormir, estudar….). O que sobra é guardada….
    • Não importa qual o tipo de comida, tudo contém calorias e é usada pelo corpo para que tenhamos energia durante todo o dia. O que “sobra” é GUARDADA na forma de GORDURA. Por isso, quanto mais calorias tiver um alimento, mais ENGORDATIVO ele é! Prefira alimentos menos calóricos! Eles também costumam ser os mais saudáveis!
      • Se come mais do que gasta >>> Engorda!
      • Se come igual ao que gasta = Mantém o peso!
      • Se come menos do que gasta <<< Emagrece!
        • Quem tem mais calorias? A maçã ou o hambúrguer?
        • Necessidades Calóricas por Idade (criança ativa e com altura mediana para idade):
          • IDADE

          Calorias/ Dia
          (criança ativa)

          De 6 meses a 11 meses

          850-1000 Cal

          De 1 a 3 anos

          1000-1200 Cal

          De 4 a 6 anos

          1500-1800 Cal

          De 7 a 10 anos

          1800-2000 Cal

          De 11 a 18 anos

          2000- 2300 Cal

  • AÍ VÃO ALGUMAS DICAS: (dicas de cardápio)

    1)  NÃO REPETIR O PRATO!!!

    • Não fique sem se alimentar e nem coma demais!

    2)  Comece a usar apenas o LEITE DESNATADO OU SEMI-DESNATADO PARA TODA A FAMÍLIA.

    • O leite desnatado tem até mais cálcio do que o leite integral, além de todos os elementos necessários para o crescimento do seu filho. Ele só não tem a gordura (animal) que seu filho não precisa.
  • Além disso, as vitaminas lipossolúveis (que são absorvidas com a gordura), Vitaminas A, D, E e K, estão presentes em muitos outros alimentos da alimentação da criança  e não depende apenas do leite.
    • Se for preciso usar leite desnatado, use e siga a orientação do seu médico.

3) O APENAS 1X AO DIA.

    • Prefira pão “de fôrma” e EVITE o pão de hambúrguer ou de cachorro quente.

    4)  O lanche deve ser leve (pouco calórico e saudável). Apenas para ajudar a ‘esperar’ a hora da refeição principal. Inclusive o LANCHE DA ESCOLA. 

    • Evite salgados (mesmo “de forno”) e os refrigerantes que as escolas insistem em oferecer aos alunos. Esse tipo de escola só está interessada no dinheiro do seu filho, e não na saúde dele!

5)   Prefira FRUTAS na sobremesa e nos lanches.

6)  SUCO apenas 1X/dia. Mesmo alimentos saudáveis (ex. frutas e sucos) engordam se consumidos além do necessário! O SUCO é feito com mais frutas e ainda adiciona acúcar. Cuidado!

  • Prefira SUCO de frutas menos calóricas (maracujá, cajá, goiaba, tamarindo, limonada, acerola, etc.)
  • Beba com moderação os sucos mais calóricos (ex.: laranja, manga e uva).
  • Coloque o mínimo necessário de açúcar.

7)   NÃO COMPRE os  alimentos do tipo “besteira” PARA SUA CASA :

  • Refrigerantes, Bolachas Recheadas, Salsicha, NESCAU (nem mesmo o light), Sorvetes, doces, Hamburguer, Cachorro quente, Salgadinhos, Pipoca, Pizza, Nuggets, Petiscos.
  • PENSE BEM QUANDO FOR AO SUPERMERCADO!
    • Bebês e crianças pequenas só têm acesso aos alimentos que os adultos oferecem.  Se acostumados desde pequenos a comer saudavelmente, há grande chance de levarem esse hábito por toda a vida.

9)  COMER FORA e alimentos (do tipo ‘besteiras’) apenas 1x por mês: 

    • “Festinha de aniversário”:    Não traga “docinhos” para casa!
    • “Se comer pizza este mês, deixe o MacDonald/Dogão/Subway/Bobs ou o sorvete para o mês seguinte……”[McLanche Feliz é banido em São Francisco, nos EUA (CLICK AQUI)

10)   Não coma em frente da TELA (TV, Computador, tablet, videogame, etc). Você acaba comendo demais e nem percebe!

    • TEMPO MÁXIMO DE “TELA”2 horas/dia.

11)   Pratique um esporte/ atividade física. O exercício é fundamental para gastar calorias e ajuda a emagrecer.

  • O exercício evita que você engorde demais ……Nunca deixe de brincar e praticar esportes!
  • Todos os tipos de tratamento da obesidade, do mais simples ao mais radical, exigem empenho e determinação.
    • Será sempre necessário um suporte multiprofissional (endocrinologista, nutricionista, educador físico e pediatra)
    • A adequação da dieta às novas metas a serem alcançadas é essencial. Não deixe de retornar ao seu médico para avaliar seu desempenho..
    • Sua motivação é essencial. Tire suas dúvidas com seu médico e tente ENTENDER PORQUE E COMO deve fazer a REEDUCAÇÃO ALIMENTAR que ele sugeriu.
  • DIET OU LIGHT??????
    • Você não precisa gastar dinheiro com comidas light ou diet!!!
    • DIETsignifica ausência de um componente, em geral o açúcar.
      • É indicado para o paciente diabético. Eles não contém açúcar (para diabéticos), mas muitas vezes têm maior quantidade de gordura para ficarem mais gostosos (ex. chocolate diet)!
        Alguns alimentos DIET até engordam mais……Nestes casos, prefira os alimentos light…..
    • LIGHT tem 25% menos calorias que o produto normal. Se comer um pouco mais, engorda do mesmo jeito!!
      • Vale a pena comprar margarina light ( e sem sal) e leite desnatado.
  • Este roteiro é apenas uma sugestão para diminuir a ingestão de calorias e manter seu peso sob controle.
  • VOCÊ VAI REPROGRAMAR seu corpo a um novo ritmo de vida, mais saudável e ativo.
    • Adeque a sua dieta à realidade alimentar de sua casa.

Café da Manhã (7h):

  • 1 xícara de chá de cereais ou ½ (metade) do pão; ou (= 2 torradas = 1 beiju = ½ cuscuz pequeno)
  • 1 xícara de chá de leite com café  (EVITE achocolatados-nescau e toddy)
  • 1 fatia fina de queijo minas (= manteiga light) no pão
  • 1 fruta

Lanche da manhã (9h):

  • 1 copo de suco + 2 torradas (= 3 bolachas de água e sal)
  • Opções: gelatina (= 1 fruta = 1 iogurte), salada de frutas (sem leite condensado)
  • EVITE pão, salgadinhos e doces.  Evite salgadinhos da escola!

Almoço (12h):

  • 3-4 colheres (de sopa) de arroz cozido (= 3 de macarrão=2 batatas cozidas)
    ·         EVITAR FAROFA!!!
    ·         2 colheres de sopa de feijão (=lentilha ou grão-de-bico)
    ·         1 bife (carne) pequeno e magro  (variar tipos de carnes, frango, peixe, ou ovos cozidos)
    ·         VERDURAS E LEGUMES: Alface, tomate, cenoura, pepino, brócolis, couve-flor, beterraba…
             Escolha Aqueles de que Gosta Mais…..

    • Salada de verdura à vontade (SEM óleo ou azeite)
    • Sobremesa: 1 fruta ou gelatina. Não pode: pudim, chocolate, refrigerantes, doces.
    • Sempre beba água.Suco somente na hora do lanche!

Lanche da tarde (15h):

  • 1 copo de suco + 2 torradas (= 3 bolachas de água e sal)
  • Opções: gelatina (= 1 fruta = 1 iogurte).
  • EVITE pão, salgadinhos e doces!

Jantar (18h):

  • Semelhante ao almoço
  • = Sopa com carne e verduras

Ceia (22h):

  • 1 copo de leite (= 1 suco com 3 bolachas de água e sal)

  • ADOÇANTE OU AÇUCAR ? (Clique aqui)

    • Seu consumo moderado não traz riscos à saúde da criança ou do adulto. Adoçantes não causam câncer ou outra doença, se consumidos com moderação.
    • Veja na tabela os tipos de adoçantes e suas característica. Escolha o tipo que você gostar mais…
    • Adoçantes(Linea, Splenda, ZeroCal, Finn, Gold…)

Obesidade Infantil: Porque se Importar?

Obesidade é uma doença. Ninguém opta por ser obeso! Existe todo um processo bioquímico envolvido na origem da obesidade, sendo alguns evitáveis. Devemos e podemos cuidar de nossas crianças.

Meus pais são gordos e eu sempre fui gordinho! Pode ser MINHA GENÉTICA?

  • Os GENES têm apenas uma parcela de culpa na ocorrência da obesidade.

    • A influência genética mais comum da obesidade é POLIGÊNICA, isto é, depende de VÁRIOS genes. O “mapa gênico da obesidade humana” continua aumentando a cada ano. Já são mais de 400 genes identificados e “culpados” pela obesidade humana.

      • No entanto, porque temos muitos “vilões”, fica quase impossível identificar ou tratar a obesidade somente do ponto de vista genético.
    • Os casos de obesidade MONOgênica (devido a alterações em UM único gene) existem, mas são muito RAROS. Várias mutações envolvendo a via de sinalização da melanocortina já foram descritas e incluem mutações no gene da leptina, do receptor da leptina, da proopiomelanocortina (POMC), e do receptor da melanocortina (MC4R).

      • Apenas nos casos de deficiência da leptina, o tratamento com a mesma pode reverter o quadro de obesidade. Nos demais casos, não há tratamento específico.
    • Existem ainda os casos de algumas síndromes genéticas (click aqui), em que um gene pode causar obesidade além de outras alterações existentes na síndrome em questão. Para maiores detalhes, veja a seção de  síndromes genéticas (click aqui).
  • O mais importante é assumir que os genes não determinam a obesidade de uma pessoa SOZINHOS. É necessário AMBOS, GENES E COMPORTAMENTO (hábitos), para que uma pessoa fique obesa. Em alguns casos, vários genes podem aumentar a sua susceptibilidade para ser obeso, mas isso requer outros fatores não genéticos e EVITÁVEIS, tais como excesso de comida e pouca atividade física. 

Quando sei que estou OBESO?

  • Através do seu IMC ou  Índice de Massa Corporal. Além do peso, o IMC considera sua altura e idade.
  • IMC =                   Peso (Kg)               = Kg/m2
                    Altura (m) x Altura (m)
  • Diferente do adulto, que já parou de crescer, não existe um valor único de IMC para dizer se a criança está ou não acima do peso. É preciso olhar na curva de crescimento, onde você tem os valores de IMC de acordo com a idade e o sexo da criança.
  • SOBREPESO (acima do peso / “cheinho”): Se estiver + 1 desvio padrão (> percentil 85) ACIMA DA MÉDIA da população da mesma idade e sexo.
  • OBESO (gordo): Se estiver + 2 desvio padrão (> percentil 95) ACIMA DA MÉDIA da população da mesma idade e sexo.
  • OBESO GRAVE (muito gordo): Se estiver + 3 desvio padrão (> percentil 99) ACIMA DA MÉDIA da população da mesma idade e sexo. Seria o equivalente à obesidade mórbida no adulto.
  • ” Ninguém precisa ser magricela, mas gordura demais só traz problemas!
  • O que está fazendo REALMENTE para mudar essa situação? Esperando os problemas aparecerem?

VOCÊ SABIA?

  1. Que as causas médicas (doenças) que podem levar à obesidade são responsáveis por menos de 2% dos casos de obesidade.
  2. Quando a criança chega aos 2-3 anos de idade, o número de células gordurosas já estão definidas até sua idade adulta.
    • Uma criança com excesso de peso pode ter  quantidade maior de células gordurosas do que uma criança com peso normal para a idade.
    • Por ter maior número de células gordurosas, essa criança terá maior dificuldade em se manter magro na vida adulta. Não espere seu filho crescer para emagrecer. A hora de cuidar é agora!

Quais os riscos de ser OBESO? Porque devo me importar?

1) PSICOLÓGICOS: seu filho sofre com os apelidos e os preconceitos na escola. Mesmo os pequeninos (maternal e jardim) demonstram preconceito!

  • Você sabe o que seu filho(a) sofre por ser gordo?
    •  Cuidado…..Ele não consegue sozinho! Ele PRECISA da sua ajuda!
  • Sinais de alerta! 
    • Não quer ir para a escola; Isolamento
    • Agressividade; Compusão alimentar (“comer para compensar o stress”),
    • depressão…..”e o problema só piora!”

2) Problemas ORTOPÉDICOS: dores nas articulações….. dificuldade de praticar esportes! ….”e o problema só piora!”

3) Doenças RESPIRATÓRIAS: crises de tosse, cansaço fácil, crises de asma…“dá-lhe corticóide!”………”e o problema só piora!”

    • Seu filho não consegue dormir direito e ronca como um adulto? Ele já pode ter APNÉIA DO SONO!

4) Doenças ENDÓCRINAS (risco maior se existir casos na família): 

    • Diabetes,
    • Resistência Insulínica, 
    • Síndrome Plurimetabólica,
    • altos níveis de colesterol e triglicerídeos.

5) Doenças CARDIOVASCULARES: Pressão alta, aumento do colesterol e risco de infarto ainda jovem…..

  • AUMENTO DA CINTURA (Circunferência Abdominal):
    • A gordura abdominal significa maior acúmulo de gordura na parte dos órgaos internos, como por exemplo o “FÍGADO GORDUROSO” (esteatose hepática). Este tipo de gordura é a mais grave, pois está associada ao risco maior de doenças do coração e diabetes.
  • O fato é que, apesar da influência genética, a obesidade é na grande maioria das vezes consequência de erros alimentares, com dietas hipercalóricas (ex. fast-food), associada ao sedentarismo (falta de atividade física).

    • As nossas crianças estão cada vez mais “preguiçosas” (só brincam em casa, e só usam os “dedinhos” – “videogames, iPhones, Tablets e computadores”).
    • Elas estão cada vez mais ansiosas (até mesmo pelo excesso de responsabilidades e deveres escolares) e compulsivas (“comem para compensar o “stress” ou “a falta do que fazer”). 
    • Enquanto isso, os pais não têm tempo ou condições de colocá-las em uma atividade esportiva e de lazer, e acabam “compensando” os filhos e a si mesmos com saídas para “pizzarias” e “fast-food” nos finais de semana. O problema só tende a se agravar.
    • As escolas não ajudam em nada, pois não oferecem esportes e atividades físicas suficientes, além de só terem lanche tipo “junk-food” (“comida-lixo”) em suas cantinas.
  • A estimativa atual é de que tenhamos 60 milhões de crianças obesas
    em todo o mundo em 2020.

    Que Futuro Têm Nossas Crianças?

 

Reeducação Alimentar & Esportes

Seu Filho está acima do Peso? Oque os pais precisam saber!

  • Educação Alimentar das Crianças: Os Pais ainda são os principais responsáveis!

  • A criança come somente aquilo que os PAIS e familiares OFERECEM ou PERMITEM que eles comam DENTRO e FORA de casa.
    • Criança não trabalha, não faz compras e não cozinha!!!
    • É mais fácil “ensinar” seu filho pequeno a comer correto do que “corrigir” mais tarde os maus hábitos adquiridos.

      • Bebês só comem o que os pais lhe oferecem;
      • Crianças pequenas já começam a “escolher” o que e quanto querem comer;
      • Crianças na escola e Adolescentes ganham mesada e ficam algum tempo longe dos pais, tendo acesso a uma diversidade de comidas gordurosas e hipercalóricas. Isso inclui os “lanches da escola”!

    Quem está ditando as regras da casa? Quem Educa Quem?

    • Se seu filho come salgadinhos e bebe nescau todo dia, é porque UM ADULTO compra ou lhe dá o dinheiro para comprar!
  • Porque a maioria das crianças gordas têm pais gordos?
    Acha mesmo que é apenas genética?
    (clique aqui)

    • CRIANÇA NÃO FAZ DIETA DE EMAGRECIMENTO!
    • APRENDE a Comer Corretamente!
    • Toda a Família Deve Participar! 
      • Não adianta mamãe fazer tudo direitinho e o papai-vovô-babá-titia chegar e “estragar” tudo.
  • As mudanças nos hábitos da família são positivas mesmo para todos, desde o irmão ‘magrinho’ até o papai ‘gordinho’.
  • Não permita que seu filho coma em frente da TELA (TV, Computador, tablet, videogame, etc). ELE acaba comendo demais e nem percebe!TEMPO MÁXIMO DE “TELA” 2 horas/dia.  
  • O que fazer se tenho um filho obeso e outro é magro demais?

    • Não é porque seu outro filho ainda tem um peso normal que ele pode comer “porcarias” no dia-a-dia. Saúde é para todos!  Nada impede que o magrinho de hoje se torne obeso no futuro. 
    • Como disse, o seu filho obeso só precisa aprender a comer corretamente e de forma saudável. Isso vale DA MESMA FORMA para o seu outro filho que AINDA é magrinho.
  • A ESCOLA também deve participar da educação alimentar das crianças! 

    • É o seu direito e DEVER da escola oferecer somente comida saudável na cantina, e nunca “junk-food”! 
      • NAO ACEITE SALGADINHOS (MESMO DE FORNO), LEITE CONDENSADO NA SALADA DE FRUTAS E REFRIGERANTES.
      •  A escola pode oferecer: bolos (sem excessos de chocolates ou cobertura cremosa), sucos naturais (com pouco açúcar ou sem açúcar), iogurtes, frutas, salada de frutas, água de côco, entre muitas outras opões.
  • A escola também deve oferecer atividades físicas regulares
    (3 vezes por semana) a todos os alunos.

    • VOCÊ paga caro por uma escola que só se preocupa com letras e números????  OLIMPÍADAS de química, matemática, inglês, xadrez…???
    • E O LAZER??? Seu filho tem direito a diversão…
    • O bem estar do seu filho inclui LAZER, ESPORTES E ATIVIDADES SOCIAIS junto com seus coleguinhas. Porque será que nossas crianças andam tão estressadas????
  • ESTIMULE UMA ATIVIDADE FÍSICA. ESPORTE faz parte da educação de todas as crianças.
  • Exercício sozinho NÃO resolve o problema se você continuar comendo mais do que precisa!……Ainda assim, evita que você engorde demais ……Nunca deixe de brincar e praticar esportes!
  • Qual esporte é o melhor?
    • QUALQUER ESPORTE que a criança goste e lhe faça sentir bem.
    • Esporte para a criança não deve ser obrigação nem um tormento! É um momento para encontrar colegas da mesma idade e se divertir!
    • Jogar videogame não é a melhor opção para o seu filho. Ele precisa de atividade física!

  • CRIANÇA ATIVA ANDA, CORRE, PULA CORDA, ANDA DE BICICLETA,  VAI AO PARQUINHO, JOGA BOLA……

Ajude o seu filho a ser um campeão!

“As medalhas no esporte ainda são as mais saudáveis e divertidas!”

 

Meu Filho Não Come!

Ainda existem pais e avós preocupados em engordar os filhos, achando que comer muito vai torná-los forte e saudável.

  • A verdade é que existem muitos “magrinhos” saudáveis, enquanto muitos “gordinhos” têm anemia e adoecem facilmente de problemas respiratórios e intestinais, entre outros.
  • “Mas e se meu filho estiver mesmo desnutrido ou doente???
  • Converse com o pediatra do seu filho e pergunte sobre o estado nutricional do seu filho.

 

Quando devo me preocupar com a “magreza” de uma criança?

  • Quando a criança esta abaixo do percentil 3 da curva de IMC (Indice de Massa Corporal ou Peso para altura) ou abaixo de 2 desvios padrão (-2 Z-score).
  • Quando há parada ou ganho insuficiente de peso para a idade, ou perda progressiva de peso em consultas sequenciais ao pediatra.

Se seu filho é magrinho, mas é saudável (sem doenças), é ativo e está crescendo bem? Então você não deve se preocupar! Ser magro e longilíneo (“comprido e fino”) pode ser o biotipo natural da criança. Assim como existem crianças “roliças e saudáveis”, também existem crianças “magrinhas e saudáveis”.

Ninguém pode culpar os pais por tentar que seus filhos comam um pouquinho mais!!!!

  • Mas cuidado, não cometa o erro de oferecer alimentos inadequados ao seu filho, na tentativa de fazê-lo comer qualquer coisa. 
  • Mais importante do que a quantidade (comer muito!), é a qualidade (comer certo)!!!

COMER BEM PODE SER DIVERTIDO!!! Aqui vão algumas DICAS IMPORTANTES:

  1. SIRVA DE EXEMPLO: Mostre que toda a família come e gosta de comer frutas, verduras e legumes.
  2. Não comer em frente da TV ou do Computador.
  3. Deixe a criança participar na hora de preparar o lanche. Faça lanches “coloridos e divertidos”.
  4. SEJA PACIENTE:Crianças jovens podem não se interessar em tentar novos alimentos. Sempre ofereça novos alimentos várias vezes.
  5. PLANEJE O DIA A DIA DO SEU FILHO: A criança precisa de um pequeno “LANCHE” nos intervalos entre as refeições principais. Lanche não é refeição!
  6. Encoraje seu filho a tentar novos vegetais e frutas sempre que forem ao supermercado.
  7. Caminhe, corra, brinque com seus filhos. Não fique somente em frente do computador ou da TV.
  8. Crianças “imitam” aqueles que eles mais amam e admiram.

“LANCHES INTELIGENTES”:

  • Sanduíches:
    • pão de forma/tortilha com….queijo branco/margarina/geléia/…..patês coloridos de verduras e carnes + alface/tomate/pepino
  • Suco de frutas/ Salada de frutas (com iogurte)
  • Milk Shakes de frutas
  • Mini-iogurte de frutas
  • Fatias de queijo branco ou bolinhos de carne
  • Bolacha com geléia ou queijo
  • Bolo de milho / Barrinhas de cereal
  • Ovos cozidos. Evite ovos fritos!
  • Cenoura, pepino, abobora ralada ou“em palitinhos”.

LEMBRE-SE! O apetite da criança pode VARIAR dia-a-dia!
Desde que a criança tenha energia suficiente para brincar e crescer bem e saudável,
significa que ela está comendo nutrientes suficientes. Existem magros e gordos…

A verdade é que obesidade já é considerado uma doença….Ser magro, não!

ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL

SER GORDO OU MUITO MAGRO NÃO E SINÔNIMO DE SAÚDE! Converse com o pediatra do seu filho e pergunte sobre o estado nutricional do seu filho.

  • Ainda existem pais e avós preocupados em engordar os filhos pequenos, achando que comer muito vai fazê-lo mais forte e saudável.
  • A verdade é que existem muitos “magrinhos” saudáveis, enquanto muitos “gordinhos” têm anemia e adoecem facilmente de problemas respiratórios e intestinais, entre outros.

Mais importante do que a quantidade (comer muito!), é a qualidade (comer certo)!!! 

PIRÂMIDE ALIMENTAR (guia alimentar):

A criança precisa de VARIEDADE!

Existem 5 GRUPOS “maiores” de alimentos: GRÃOS, VEGETAIS, FRUTAS, LEITE E CARNE. Nenhum grupo é mais importante que o outro. 

  • Os alimentos estão apresentados em porções. Entende-se por porção a quantidade de alimento em sua forma habitual de consumo (unidades, xícaras, fatias, colheres…) ou em gramas. Essa quantidade é estabelecida a partir das necessidades nutricionais e das dietas específicas de cada pessoa.
  • Crianças até 3 anos: Apenas 2/3 da porção. Exceto pelo leite, que deve se oferecido pelo menos 2-3 porções.
GORDURAS E DOCES estão no topo da pirâmide (porção menor). A “pontinha” da pirâmide significa “pouca oferta e pouca necessidade”.  Os alimentos deste grupo são RICOS EM CALORIAS (=energia) provenientes da gordura e do açúcar. Por isso engordam facilmente.  
O melhor é comer poucos alimentos deste grupo. Além de engordar, contêm poucas vitaminas e minerais.
Você pode educar seu filho a comer doces e frituras apenas 1x por semana, como no Sábado ou aos Domingos. Escolha o seu dia! 
Gorduras e Doces (1 porção/dia, 1porção = 70-110 Cal):
  • 1 colher de sobremesa de zeite de oliva/ soja/ milho/ girassol/ canola
  • 1 colher de sobremesa de manteiga ou margarina
  • ½ colher de sopa de açúcar refinado
  • 1 colher de sopa de doce de leite ou açúcar mascavo
  • 2 colheres de sobremesa de geléia

O grupo de CARNES inclui os alimentos ricos em proteínas, ferro e zinco.

  • ½ unidade de bife bovino grelhado ou filé de frango ou omelete simples ou ovo frito ou sobrecoxa de frango cozida ou hambúrguer
  • 1 unidade de espetinho de frango ou ovo cozido
  • ½ fatia de carne bovina cozida ou assada
  • 2 colheres de sopa de carne bovina moida refogada
  • 1 file de peixe cozido
O grupo do LEITE é importante para a oferta de cálcio.
  • Crianças de 3-6 anos devem receber pelo menos 2 porções deste grupo diariamente.

Menores de 3 anos, 3 porções. (1porção =70 Cal).

  • 1 xicara de chá de leite ou 2 colheres de sopa leite em pó
  • 1 pote de iogurte de frutas ou bebida láctea
  • 2 potes de leite fermentado
  • 2 fatias de queijo minas ou mussarela
Os grupos dos VEGETAIS e das FRUTAS possuem vitaminas, minerais efibras.

Verduras (4 porções/dia, 1porção =15 Cal) e Leguminosas (2 porções/dia, 1porção= 70Cal ):

  • 1 colher de sopa de beterraba ralada ou cenoura  ou chuchu ou ervilha ou grão de bico
  • ½ colher de sopa de feijão branco cozido ou lentilha ou soja cozida
  • 1 tomate ou 15 folhas de alface
Frutas_ 3-4 porções/dia (1porção =70 Cal)::

  • ½ unidade de banana nanica ou caqui ou fruta do conde
  • 1 unidade de caju ou carambola, kiwi, laranja, pêra ou maçã
  • 1 fatia de mamão ou abacaxi ou melancia
  • 2 ameixas; 9 morangos


O grupo dos GRÃOS
forma a BASE da pirâmide (porção maior).
Exigem 6-8 porções durante o dia (1porção =150Cal).

Eles são importantes fontes de carboidratos, vitaminas, minerais e fibras.

  • 3 colheres de sopa de arroz cozido ou macarrão ou aveia
  • 1 ½ colheres de sopa de macaxeira ou mandioca
  • ½ unidade de pão francês
  • 3 unidades de biscoito de leite ou tipo ´cream-cracker´
  • 4 unidades de biscoito maria ou ´maisena´
  •   2 unidades pequenas de batatas cozidas
Dicas importantes para sua alimentação:
  • Coma devagar, mastigando bem os alimentos.
  • Ao fazer as refeições fora de casa, mantenha hábitos saudáveis.
  • Procure variar a alimentação de acordo com os grupos dos alimentos para evitar a monotonia alimentar.
  • Escolha sempre uma dieta rica em frutas, verduras, legumes e grãos.
  • Procure consumir carnes e leites magros.
  • O consumo de gema de ovo e de preparações que as contenham não deve ultrapassar o equivalente a quatro unidades por semana.
  • Modere o consumo de açúcar, doces, sal, e bebidas alcoólicas.
  • preferência aos óleos vegetais (girassol, milho, canola, soja, azeite de oliva) e margarinas  “light” e sem sal.
  • Não use condimentos calóricos, como catchup, mostarda ou maionese.
  • Procure dormir bem. Durante o sono normal, a regulação hormonal favorece a saciedade e regula o metabolismo do organismo. A leptina, substância liberada durante o sono, controla a gordura do corpo dando sinais de que estamos alimentados. Quando o corpo é privado do sono, a leptina é reduzida, aumentando a vontade de comer. Em média, a criança deve dormir de8-10 horas de sono por dia.
  • Procure comer mais frutas, verduras, nozes e grãos.


LEMBRE-SE! O apetite da criança pode VARIAR dia-a-dia!
Desde que a criança tenha energia suficiente para brincar e crescer bem e saudável,
significa que ela está comendo nutrientes suficientes. Existem magros e gordos…
A verdade é que obesidade já é considerado uma doença….Ser magro, não!