Arquivo por categoria: 6.2. Tudo Sobre INSULINA

Tudo sobre INSULINA

  • Existem 2 TIPOS Principais de INSULINA?  Sim.  Existem dois tipos principais de insulinas de origem humana. Elas são classificadas de acordo com a duração de sua ação e são oferecidas gratuitamente pelo SUS.N R
  • 1- Insulina de AÇÃO LENTA/ PROLONGADA (NPH ou “N”): Quem tem DM tipo 1 DEVE sempre aplicar ESSA INSULINA, chamada BASAL, a fim de que nunca lhe falte insulina caso precise.  Ela tem  objetivo de se manter “estável” no seu sangue por TODO O DIA.
    • Atenção, a insulina NPH tem COR BRANCA LEITOSA!
      • Ela tem ação lenta e dura aproximadamente 8-12 horas no seu corpo. Por isso você precisa tomar pelo menos 2 doses dessa insulina por dia. Às vezes, pode ser preciso 3 ou mais doses. Infelizmente, ela é liberada de forma um pouco irregular, tendo momentos mais altos e outros mais baixos no seu corpo.
        • Insulina Humana NPH 100 UI/ml – suspensão injetável (frasco-ampola 10 ml, 5ml e 3ml)
  • 2- Insulina de AÇÃO Rápida (Regular ou “R”):  tem ação curta, entre 4-6 horas, e deve ser aplicada pelo menos meia hora antes da refeição. Atenção, a insulina REGULAR é TRANSPARENTE!EFEITO DA INSULINA BASAL-BOLUS
    • Ela tem o objetivo de “queimar” o “açúcar” extra proveniente das refeições, e evitam que a glicemia aumente muito após a refeição.
    • Também servem para ser usada quando sua glicemia está muito alta, mesmo em outros horários não relacionados com as refeições.
    • Cuidado, pois seu efeito pode ir além do período após-refeição, com risco de hipoglicemia tardia.
      • Insulina Humana Regular 100 UI/ml, solução injetável (frasco- ampola 10 ml, 5 ml e 3ml)
  • E as insulinas MODERNAS são DIFERENTES da Insulina Humana?  Sim. As insulinas SINTÉTICAS, ou ANÁLOGOS da insulina, são insulinas modificadas por engenharia genética e oferecem ação mais estável e com melhor controle da glicemia.
  • Os análogos de insulina ainda não são oferecidas pelo SUS, com exceção de alguns Estados e Prefeituras, os quais contém protocolos especiais para a entrega desse tipo de insulina. 

    ATENÇÃO!!! OS ANÁLOGOS DE INSULINAS, quer sejam LENTA OU RÁPIDA, são sempre TRANSPARENTES!!

    1. Análogos de AÇÃO ULTRALENTA: Glargina (Lantus), Detemir (Levemir) e Degludec. Este tipo de insulina dura mais tempo, até 24 horas, ou seja o dia todo. Por isso você só precisa de apenas uma e, às vezes, duas doses por dia.Tipos de Insulina e Analogos
      1. elas também têm a vantagem de ser liberada de forma uniforme, sem altos e baixos, e resulta em melhor controle de glicemia no sangue.
    2. Análogos de AÇÃO ULTRARÁPIDA: Gluilisina (Aprida), Aspart (Novorapid) e Lispro (Humalog)
      1. Os análogos de ação ultrarápida têm ação mais imediata, podendo ser aplicada 10 minutinhos ou imediatamente antes das refeições. Seu efeito também é mais rápido, de aproximadamente 2 horas, evitando efeitos tardios.
  • COMO APLICAR INSULINA?
    • Sempre aplicar no tecido celular subcutâneo (“gordura” abaixo da pele).
    • Se muito profunda, pode penetrar no músculo e ir mais rapidamente para o sangue. Além de doer mais!Insulina Tecnica
    • Atenção para os locais de aplicação!!! ABDOMEN, COXAS, BUMBUM e BRAÇOS.
    • O método mais seguro, especialmente em crianças magras:Tamanho da Agulha
      • Usar agulha curta de 4-6mm. Agulhas de 8mm para alguns adolescentes mais gordinhos pode ser adequado.
      • Agulhas menores podem ser aplicada perpendicularmente (ângulo de 90graus), sem risco de penetrar no músculo.
      • Para agulhas maiores, é mais seguro se você fizer uma “prega” da pele com 2 dedos e injetar a insulina em um ângulo de 45graus.tecnica bumbumtecnica coxa
      1. Ejete uma pequena quantidade de insulina (0,5-1 unidades) com uma caneta ou seringa NO AR, para garantir que a ponta da agulha está preenchida com insulina.
      2. Levante a pele com seu polegar e indicador (‘prega“)tecnica Barriga
      3. Penetre a agulha na pele em um ângulo de 45 graus em relação à superfície
      4. Mantenha a “prega” da pele enquanto aplica a insulina
      5. Conte até 10 lentamente antes de soltá-la. Retire a agulha
      6. Se estiver tendo problemas de saída de gotinhas de insulina de volta no furo da pele, você pode estar muito superficial e considere usar uma agulha mais profunda.
  • POSSO APLICAR INSULINA COM CANETA? Sim, a insulina pode ser comprada em refis para CANETAS…shutterstock_105961229
    • Elas permitem uma dose mais acurada, especialmente para doses baixas. Algumas canetas permitem aplicar apenas 0,5 unidade, mas em geral é de 1 unidade de intervalo.
    • As agulhas das canetas também não devem ser reutilizadas, pois são muito finas e delicadas. Elas têm a vantagem de poder ser menores e mais finas, com tamanhos de 4mm, 5mm, 6mm, 8mm, 10mm e 12mm. Infelizmente, para seringas comuns, só existem agulhas a partir de 8mm, o que é muito longa para a maioria das crianças.
  • O QUE É BOMBA DE INSULINA?
  • As bombas de infusão de insulina são equipamentos pequenos e portáteis que liberam insulina de ação rápida 24 horas por dia.
  • Do tamanho aproximado de um pequeno telefone celular, as bombas de infusão de insulina liberam insulina através de um pequeno tubo e uma cânula (conhecidos como o conjunto de infusão) colocados sob a sua pele.Insulinas (1) A quantidade de insulina liberada pode ser adaptada para satisfazer suas necessidades individuais.
  • Você pode programar sua bomba de infusão de insulina para liberar insulina automaticamente durante 24 horas – isso é chamado de índice basal – para controlar a glicose no sangue entre refeições e enquanto você dorme. Antes das refeições você deve liberar uma dose extra de insulina chamada de bolus, correspondente à quantidade de carboidrato a ser ingerida.
  • Quando você usa uma bomba de infusão de insulina, você ainda precisa monitorar seus níveis de glicose durante o dia utilizando um glicosímetro.
  • Você configurará as doses da sua insulina e fará ajustes a elas baseado em sua ingestão de alimentos e programa de exercícios. Você terá que substituir seu conjunto de infusão a cada 2 a 3 dias. Os resultados da glicemia capilar serão úteis para que você possa ajustar as doses de insulina, consumo de alimentos e programa de exercícios.
  • Onde e Como devo guardar a minha INSULINA?
  • As insulinas em uso, podem ser mantidas na geladeira (entre 2 e 8ºC), ou em temperatura ambiente (até 30ºC), em local fresco, ao abrigo da luz e de oscilações bruscas de temperatura.Armazenamento Insulinas
    • ATENÇÃO! Em nosso Estado (Piauí), a temperatura costuma estar acima de 30C, e diminuir a eficácia da insulina. Neste caso, recomendo que mantenha sua insulina (frasco ou caneta) na geladeira ou em lugar sabidamente com temperatura abaixo de 30C.
    • Quando mantida em geladeira, a insulina deve ser retirada com 20 minutos de antecedência da aplicação, para evitar desconforto e irritação no local.
  • O local mais adequado para armazenar a insulina, na geladeira, é a prateleira próxima à gaveta de legumes
    • Nunca coloque a insulina nas prateleiras e gavetas próximas ao freezer, pois temperaturas inferiores a 2º C levam ao congelamento e perda de efeito da insulina.
    • A porta da geladeira também não é indicada para seu armazenamento, já que, as frequentes aberturas de porta causam grande mobilidade no frasco e variação da temperatura da insulina, podendo danificá-la.
  • Manter a insulina longe da luz direta do sol. 
  • Não armazenar a insulina perto de micro-ondas, saídas de calor, fogões e ar condicionado. 
  • As insulinas lacradas (aquelas que ainda não estão em uso), necessitam ser armazenadas em geladeira (temperatura entre 2 e 8ºC) e a data de validade a ser considerada, é a que está impressa na embalagem.TEMPERATURA Insulina
  • E se eu for viajar ?
    • Se a viagem durar menos de seis horas e a insulina não for exposta a grandes variações de temperatura, poderá ser transportada em temperatura ambiente.

    • Em viagens com um período maior, precisará ser transportada em bolsa térmica com gelo. Mas ATENÇÃO: o gelo não pode encostar diretamente no frasco, sob o risco de congelar a insulina.

    • Não deixar a insulina dentro do carro fechado, durante meses muito quentes ou muito frios. 

    • Se o paciente pretende passar um período extenso ao ar livre, em dias muito frios ou quentes, deve armazenar a insulina em um isopor com placas de gelo ou bolsa térmica.

    • No avião, a insulina deve ir junto com as bolsas de mão, nunca com a bagagem normal, pois o compartimento de cargas não apresenta o mesmo controle de temperatura que a cabine.

    • E para o trabalho? Se o paciente utiliza apenas uma única insulina, ele poderá montar a seringa pela manhã e aplicar no horário do almoço, se esse período não ultrapassar seis horas fora da geladeira. Caso o paciente misture dois tipos de insulina, como NPH e regular, ele deverá transportar os frascos. É importante não expor a seringa com insulina a variações de temperatura, e transportar em um recipiente que evite que o êmbolo da seringa seja pressionado, como um estojo de óculos por exemplo.

    • A presença de grumos, cristais ou agregados indica que a insulina está inadequada para consumo ou desnaturada. Isso ocorre quando ela é manipulada inadequadamente (por exemplo, muito sacudida) ou guardada em temperaturas impróprias. Descarte-a.
  • DICAS ÚTEIS:
  • Se você utilizar dispositivo em forma de caneta para aplicação ou agulhas menores (5mm), não precisa fazer a prega cutânea.
  • É importante fazer rodízio dos locais de aplicação para evitar problemas na pele.
  • O relaxamento muscular e a tranqüilidade na hora da aplicação ajudam muito a minimizar o desconforto;
  • Nunca use seringa ou agulha utilizada por outra pessoa;
  • Não reutilizar seringas e agulhas;
  • O uso de insulina gelada (aquela que é mantida na geladeira) pode causar um desconforto no momento da aplicação. Para evitá-lo, coloque a insulina na seringa e aqueça-a entre as mãos com suaves movimentos rotativos. Mas não sacuda a insulina!
  • A absorção adequada da insulina depende do local da aplicação. Ela é absorvida mais rapidamente quando aplicada no abdome, nas coxas e nádegas (nesta ordem).
  • Quando aplicada nos braços, sua absorção é mais lenta.
  • A temperatura do corpo, a dieta, o exercício e o nível de estresse podem afetar a absorção da insulina. Por isso, fique atento ao controle da sua glicemia.
  • Para jogar agulhas e seringas fora, tome o cuidado de encapar a agulha antes. De preferência, coloque este material em uma caixa rígida (papelão ou plástico mais grosso) para evitar acidentes.